quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Empresas querem aposentados, sobretudo para cargos técnicos

As empresas parecem estar aproveitando os profissionais que já haviam saído do mercado de trabalho. No ano passado, 20% das empresas atendidas pela Hays Consulting Group contrataram aposentados, de acordo com levantamento da consultoria. 
Desse volume, a maior parte foi admitida para preencher posições que necessitam de mão de obra especializada. Nesse sentido, 50% das contratações foram realizadas pela necessidade de profissionais com vivência na área de atuação e experiência em projetos específicos. 
Caros para admissão
A consultoria revelou que 72% das empresas recrutam aposentados especificamente para funções técnicas. Outros registros são em cargos de diretoria (33%), gerência (28%), conselho (17%) e presidência (6%). 
“A falta de mão de obra qualificada no mercado, conhecida como ‘apagão de talentos’, gerou a escassez de profissionais e, diante disso, as empresas tiveram que expandir o foco de buscas, trazendo pessoas com mais experiência, vivência e conhecimento do mercado de trabalho”, avalia o gerente da Hays Accountancy & Finance em São Paulo, Fernando Paiva.
Em relação aos setores que mais contratam profissionais aposentados, o primeiro lugar ficou com serviços (25%). Na sequência, vêm os setores de bens de consumo (10%), de telecomunicações (8%) e farmacêutico (7%). Em torno de 70% das contratações são feitas por grandes empresas com faturamento maior que R$ 90 milhões e menor ou igual a R$ 300 milhões.
 
Temos como intuito postar notícias relevantes que foram divulgadas pela mídia e são de interesse do curso abordado neste blog. E por isso esta matéria foi retirada na íntegra da fonte acima citada, portanto, pertencem a ela todos os créditos autorais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conto com sua participação.Comente.

Postagens Recentes: