segunda-feira, 11 de abril de 2011

Mais de 50% dos executivos estão sobrecarregados por excesso de dados

Que os executivos têm muitas responsabilidades ninguém dúvida. Mas o que muitas empresas não sabem é que estes profissionais estão cada dia mais sobrecarregados devido ao excesso de dados que são gerados no ambiente de trabalho.

Uma pesquisa realizada pela provedora de serviços de tecnologia de negócios Avanade, em parceria com a Kelton Research, revela que 56% dos executivos e líderes de unidades empresariais declararam que estão sobrecarregados pela quantidade de dados que as suas empresas gerenciam.

Muitos relataram que normalmente se atrasam na hora de tomar decisões importantes devido à quantidade exagerada de informações. Outros 46% afirmaram que tomaram alguma decisão errada por causa de dados imprecisos ou desatualizados.

Apesar da pesquisa ter sido realizada em empresas localizadas em 17 países na América do Norte, Europa e Ásia Pacífico, o resultado também pode ser aplicado ao Brasil, já que, de acordo com a Avanade, o País passa por um período em que as empresas estão adotando serviços de TI (Tecnologia da Informação) a uma velocidade bem superior ao países desenvolvidos.

O que fazer

Para o chefe global do departamento de Tecnologia da Avanade, Tyson Hartman, as empresas precisam desenvolver uma cultura de dados em que os executivos, funcionários e parceiros estratégicos sejam participantes ativos no gerenciamento de um ciclo de vida de dados sadio.

"Isso permitirá que as empresas transformem os dados em conhecimentos empresariais úteis", acrescentou.

Mais dados

Embora o volume de dados prejudiquem os executivos, alguns entrevistados disseram que desejam ter mais dados e de maneira mais rápida. Um entre cada três executivos acredita que o acesso a ainda mais fontes permitiria que eles executassem melhor suas tarefas, enquanto 61% disserem querer acesso mais rápido aos dados. Pela pesquisa, essa vontade de ter mais dados é estimulada pela de manter o nível de serviços ao cliente.

"Nossa pesquisa confirma o que ouvimos dos nossos clientes com relação ao desafio da gestão de dados. Os executivos parecem estar implorando por um acesso mais rápido aos dados para ajudá-los a lidar com a sobrecarga de informações. Ao mesmo tempo em que a velocidade é importante, o contexto é absolutamente essencial para compreender todo o escopo dos dados para tomar a decisão empresarial certa, no momento ideal", disse Hartman.

Os profissionais reconhecem a importância dos dados, seja para a melhoria das previsões empresariais, para reduzir a incerteza na hora da tomada de decisão ou para melhorar o posicionamento competitivo.

Fonte: Portal da Administração
Temos como intuito postar notícias relevantes que foram divulgadas pela mídia e são de interesse do curso abordado neste blog. E por isso esta matéria foi retirada na íntegra da fonte acima citada, portanto, pertencem a ela todos os créditos autorais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conto com sua participação.Comente.

Postagens Recentes: